Os Goleiros Que Marcaram Mais Gols Na História Do Futebol

No futebol, o goleiro tem como principal função não sofrer gols. Mas há alguns arqueiros que não se contentam em permanecer embaixo da meta. Eles também ajudam suas equipes marcando gols, seja de falta, pênalti ou até mesmo com a bola rolando.

Alguns conseguem números de causar inveja em qualquer atacante. Ficou curioso? Listamos quem são os maiores goleiros artilheiros do futebol mundial, e o primeiro do ranking é brasileiro!

Rogerio Ceni – 131 gols

Sao Paulo v Universitario de Deportes - Libertadores Cup 2010
Ayrton Vignola/LatinContent via Getty Images
Ayrton Vignola/LatinContent via Getty Images

O brasileiro Rogério Ceni é disparado o maior goleiro de todos os tempos quando o assunto é balançar a rede. Afinal, ele é o único goleiro do mundo a ter marcado mais de 100 gols. Ao longo de uma carreira que durou de 1990 a 2015, ele marcou um total de 131 gols, tendo se firmado como uma figura central do São Paulo, clube em que passou toda a vida profissional.

Além de ser o maior arqueiro a marcar gols, ele é o goleiro recordista em gols de falta (61) e de pênalti (69). Como destaque está a temporada de 2005, ano em que ele marcou 21 gols e foi o artilheiro do time tricolor.

Jose Luis Chilavert – 67 gols

Soccer - FIFA World Cup 2002 - Group B - Spain v Paraguay
Tony Marshall/EMPICS via Getty Images
Tony Marshall/EMPICS via Getty Images

Depois de Rogério Ceni, o goleiro que mais marcou gols na história foi o paraguaio Jose Luis Chilavert. Ao longo de sua carreira, ele balançou as redes 67 vezes pelos times que passou, especialmente com a camisa do Velez Sarsfield, clube em que marcou 48 gols em uma carreira de 10 anos. Além disso, ele marcou nove vezes em 74 partidas pela sua seleção nacional. Quatro de seus gols internacionais foram marcados durante a classificação do Paraguai para a Copa do Mundo da FIFA de 2002.

Ele detém dois recordes: maior número de gols feitos em uma única partida (três) e maior número de gols de um goleiro por uma seleção (nove).

Jorge Campos – 47 gols

Mexican goalkeeper Jorge Campos shows hi
ROBYN BECK/AFP via Getty Images
ROBYN BECK/AFP via Getty Images

Existem poucos goleiros no futebol mundial versáteis o suficiente para conseguir destaque em duas posições, mas o mexicano Jorge Campos foi um deles. Além de goleiro, ele atuava como atacante quando sua equipe precisava. Por isso, diferente dos outros nomes desta lista, Campos fez boa parte dos seus gols com a bola rolando (43), sendo o recordista neste quesito. O jogador de 1,68m teve destaque no principalmente no Pumas.

Aposentado desde 2004, Jorge Campos conseguiu marcar um total de 47 gols na carreira. Apesar de tantos gols, talvez ele seja mais lembrado pelo seu estilo extravagantes, principalmente pelo uniforme escolhido para disputar a Copa do Mundo de 1994. Durante a competição, o goleiro usou um uniforme cheio de cores com diversas formas triangulares, além da forma do material totalmente desproporcional ao seu tamanho.

Johnny Vegas Fernández – 45 gols

SOC-QUALIFICATIONS-URUGUAY-PERU
MIGUEL ROJO/AFP via Getty Images
MIGUEL ROJO/AFP via Getty Images

Quarto goleiro na lista dos melhores goleiros de todos os tempos, Johnny Vegas Fernandez é um goleiro peruano aposentado que marcou um total de 45 gols. Quase metade dos gols que ele fez durante sua carreira – na verdade, 20 – foram marcados pelo Peruvian Sport Boys durante as 189 partidas em que atuou pelo clube peruano.

E de todos os 45 gols que o goleiro peruano marcou em sua carreira, 30 foram de pênalti e 15 aconteceram com a bola rolando. Ele também jogou pela seleção peruana entre 1999 e 2000, mas não marcou nenhum gol.

Dimitar Ivanov – 42 gols

Galatasaray v Bursaspor - Spor Toto Super League
Mustafa Ozer/EuroFootball/Getty Images
Mustafa Ozer/EuroFootball/Getty Images

O goleiro búlgaro Dimitar Ivankov marcou 42 gols, sendo que os gols foram anotados por três clubes diferentes. A maioria foi marcado com a camisa do Levski Sófia (25), clube da Bulgária onde foi revelado e passou boa parte de sua carreira. Ele também anotou gols pelos clubes Kayserispor (9) e Bursaspor (8), ambos da Turquia.

Dimitar Ivankov fez ainda 64 jogos pela seleção búlgara entre 1998 e 2010, mas estranhamente não marcou nenhum gol pelo seu país.

René Higuita – 41 gols

ARG/SUPERCOPA-HIGUITA
DANIEL GARCIA/AFP via Getty Images
DANIEL GARCIA/AFP via Getty Images

Um excêntrico dentro e fora do campo – ele foi apelidado de El Loco (o louco) pelos colombianos – o folclórico Rene Higuita ocupa a quinta posição na lista dos melhores goleiros de todos os tempos. O goleiro colombiano marcou 41 gols em sua carreira, que durou de 1985 a 2009. Foram 37 gols de pênalti e quatro de falta nas 380 partidas que fez em mais de 10 clubes.

Higuita marcou pelo Independiente Medellin mais do que qualquer outro clube em sua carreira: 11 gols em 20 partidas. Pela seleção de seu país, ele fez 68 partidas e anotou três gols. Apesar disso, Higuita não conseguiu ficar ileso às críticas, principalmente devido à falha durante a partida contra Camarões, que culminou com a eliminação na Copa do Mundo de 1990.

Márcio – 41 gols

GettyImages-154682176
EVARISTO SA/AFP via Getty Images
EVARISTO SA/AFP via Getty Images

Mais um brasileiro entre os goleiros que mais marcaram gols na história do futebol! O sergipano Márcio fez 41 gols entre cobranças de falta e de pênalti, ficando atrás apenas de Rogério Ceni no Brasil. Do total de gols marcados, 38 foram com a camisa do Atlético Goianiense, onde esteve por dez anos, conquistando quatro estaduais, a Série B e a Série C do Brasileiro. Ele ainda marcou um pelo Goiás e dois com a camisa do Goiânia.

Na temporada de 2012, Márcio teve seu melhor ano como marcador, tendo anotado oito gols. Sua aposentadoria foi anunciada em 2019.

Hans-Jorg Butt – 32 gols

FC Bayern Muenchen v Hannover 96 - Bundesliga
Alexandra Beier/Bongarts/Getty Images
Alexandra Beier/Bongarts/Getty Images

Hans-Jorg Butt somou 32 gols durante sua carreira, que durou de 1994 a 2009. Desses, o goleiro alemão fez 26 na Bundesliga – 81% de todos os seus gols – e de todos os seus gols na liga alemã, 19 foram marcados apenas por um clube, o Hamburger SV.

Ele também marcou três gols na Liga dos Campeões da UEFA durante seu tempo de futebol e cada um deles, estranhamente, foi contra a Juventus e por três times diferentes (Hamburgo, Bayer Leverkusen e Bayern de Munique). Nenhum outro goleiro entre os maiores artilheiros de todos os tempos marcou mais do que ele em competições europeias.

Misael Alfaro – 31 gols

Honduras v United States - FIFA 2018 World Cup Qualifier
David Madison/Getty Images
David Madison/Getty Images

Apesar de ter sua carreira interrompida por uma lesão no pescoço e problemas cardíacos, o jogador de El Salvador entrou na lista por ostentar um incrível número de gols marcados.

Misael Alfaro fez 31 gols por clubes salvadorenhos durante sua carreira, que durou de 1988 a 2010, sendo 11 deles de pênalti. O goleiro de 1,84m também fez 42 partidas pelo time nacional de El Salvador, entre 1991 e 2005, mas não marcou nenhum gol para eles.

Dragan Pantelić – 26 gols

Dragan Pantelić
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Já Dragan Pantelić soma 26 gols em sua carreira, que durou de 1971 a 1985. O goleiro da Iugoslávia marcou 15 dos seus gols com o clube FK Radnički Niš, pelo qual marcou em média mais de um gol por temporada.

Talvez o momento mais memorável na carreira futebolística de Dragan Pantelic tenha sido quando ele marcou o gol da vitória contra o clube iugoslavo Vélez Mostar direto de sua própria área. Ele também serviu à seleção da Iugoslávia entre 1979 e 1984 e até marcou dois gols nas 19 partidas que fez por seu país.

Fernando Patterson – 26 gols

Monterey v Xelaju - 2012 - 13 CONCACAF Champions League
Alfredo Lopez/Jam Media/LatinContent via Getty Images
Alfredo Lopez/Jam Media/LatinContent via Getty Images

Fernando Patterson também somou 26 gols durante sua carreira de 24 anos. De todos os gols que ele marcou durante sua carreira, 16 foram marcados pelo clube guatemalteco Xelaju, que na verdade representa 45% de todos os seus gols. Curiosamente, ele atuou apenas dois anos pelo clube, de 1999 a 2001.

Patterson também jogou uma vez pela seleção da Costa Rica em 1993, mas nunca marcou um gol. O goleiro costarriquenho se aposentou em 2013.

Sebastián Saja – 25 gols

Racing Club v River Plate - Torneo de Transicion 2014
Gabriel Rossi/LatinContent via Getty Images
Gabriel Rossi/LatinContent via Getty Images

O argentino Sebastian Saja aparece em seguida na lista com 25 gols. Durante a carreira, que durou de 2000 a 2017, ele conquistou notoriedade por fazer diversos gols de pênalti pelos clubes que passou.

Saja também disputou quatro jogos pela seleção argentina, mas não marcou nenhum gol pelos hermanos. Em 2017, aos 37 anos, Saja pendurou as luvas depois de defender San Lorenzo, Brescia, Rayo Vallecano, América-MEX, Córdoba, Grêmio, AEK Atenas, Racing e Gimnástic de Tarragona.

Cristian Lucchetti – 25 gols

Atletico Tucuman v River Plate - Superliga 2019/20
Marcelo Endelli/Getty Images
Marcelo Endelli/Getty Images

Segundo goleiro argentino na lista dos melhores goleiros de todos os tempos, Cristian Lucchetti divide a posição com o compatriota Sebastian Saja, com os 25 gols marcados durante sua carreira, sendo 16 deles por apenas um clube: Banfield.

Diferente de Sebastian Saja, Cristian Lucchetti nunca serviu à seleção argentina e ainda não se aposentou. Ele tem 42 anos e atualmente joga pelo clube argentino Atletico Tucuman – na verdade, desde 2012.

Marco Antonio Cornez – 24 gols

Marco Antonio Cornez
Reprodução
Reprodução

Nascido em 15 de outubro de 1958, Marco Antonio Cornez aparece logo na sequência com 24 gols. Ele fez seus gols em cinco clubes chilenos durante sua carreira, que durou de 1975 a 1998.

Em termos do maior número de gols marcados por um goleiro no Chile, ele é o número um, pois nenhum outro goleiro chileno marcou tantos gols. Cornez também foi goleiro reserva do Chile na Copa do Mundo FIFA de 1982, mas nunca teve a chance de jogar pela seleção de seu país, muito menos marcar por eles.

Zarko Lucic – 23 gols

goalkeeper
Reprodução Facebook//luckemajstore
Reprodução Facebook//luckemajstore

Segundo goleiro iugoslavo na lista dos melhores goleiros de todos os tempos, Zarko Lucic marcou 23 gols em 385 partidas que disputou por sete clubes durante sua carreira. Isso significa que o goleiro iugoslavo marcou em média um gol em cada 17 jogos que fez ao longo de sua carreira, que durou de 1992 a 2008. E de todos os 23 gols que Lucic marcou durante sua carreira, 15 foram feitos por apenas um clube: Budućnost Podgorica.

Lucic também fez 5cinco jogos pela ex-seleção da Iugoslávia entre 2000 e 2001, mas nunca marcou um gol por eles.

Nizami Sadigov – 21 gols

Manchester United v Watford - FA Cup Third Round
Visionhaus/Getty
Visionhaus/Getty

O goleiro do Azerbaijão marcou 21 gols durante sua trajetória como jogador de futebol profissional. No total, foram 12 gols de pênalti e nove com a bola rolando ou de falta. Entre os clubes que Nizami Sadigov atuou durante sua carreira, o que ele mais defendeu foi o Turan Tovuz, que foi fundado em 23 de fevereiro de 1992 e atualmente disputa a primeira divisão de Azerbaijão. Aliás, todos seus gols foram marcados com a camisa do Turan Tovuz.

Vincent Enyeama – 20 gols

Lille OSC v Olympique de Marseille - Ligue 1
Jean Catuffe/Getty Images
Jean Catuffe/Getty Images

O primeiro goleiro africano e também o primeiro nigeriano na lista dos melhores goleiros de todos os tempos, Vincent Enyeama marcou 20 gols em sua carreira, que durou de 1999 a 2018. Seus gols foram marcados nas 506 partidas que fez pelos sete clubes que defendeu ao longo da carreira. Isso significa que o goleiro nigeriano aposentado marcou, em média, um gol a cada 25 partidas.

No entanto, os gols que Enyeama marcou ao longo de sua carreira não estão uniformemente distribuídos entre os sete clubes que atuou. De todos os 20 gols que ele marcou, dez foram marcados pelo clube nigeriano Enyimba, nove pelo clube israelense Hapoel Tel Aviv, e um por outro clube nigeriano chamado Ibom Stars. Enyeama também atuou na seleção nigeriana de 2002 a 2015, mas nunca marcou um gol nas 101 partidas que fez pelo seu país.

Tiago Campagnaro – 18 gols

tiago
Rafael Barros / Divulgação cearasc.com
Rafael Barros / Divulgação cearasc.com

Nascido em 2 de julho de 1983, o brasileiro Tiago Campagnaro marcou 18 gols entre 2003 e 2017. Apenas dois de seus gols foram marcados de falta, sendo o restante de pênalti. Em 2007, Tiago foi o goleiro com mais gols no Brasil, foram 13 no total, contra dez de Rogério Ceni, sendo nove na disputa da Séria B do Campeonato Brasileiro. Seus gols ajudaram a Portuguesa a subir à Série A do Campeonato Brasileiro naquela temporada.

Durante sua carreira, o goleiro também defendeu clubes como Corinthians, Vasco da Gama, Bahia, Ceará e Avaí.

Rafael Dudamel – 16 gols

Venezuelan goalie Rafael Dudamel (R) fai
JAIME RAZURI/AFP via Getty Images
JAIME RAZURI/AFP via Getty Images

O ex-goleiro venezuelano marcou 16 gols em jogos oficiais, sendo um pela Seleção Venezuelana. Seu gol foi marcado contra a Argentina nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 1998, quando acertou um belo chute no ângulo de Pablo Cavallero. No entanto, a partida terminou com vitória argentina por 5 a 2.

Ao longo de sua carreira, defendeu vários clubes em seu país, na Colômbia, na Argentina e na África do Sul. Atualmente, comanda a Universidad de Chile. Antes ele havia trabalhado como treinado do Atlético-MG.

Fábio Rampi – 15 gols

21590588
Daniel Boucinha, divulgação
Daniel Boucinha, divulgação

Nascido em 23 de janeiro de 1989 e tendo Taffarel como ídolo, o brasileiro Fábio Rampi já marcou 15 gols na carreira, segundo dados da Wikipédia, e segue em busca de mais gols. O goleiro começou a se destacar no Campeonato Gaúcho pelo Cruzeiro-RS, depois passou pelo São Luiz até chegar em 2015 no São José, onde segue até hoje. Aliás, ele é o batedor oficial de pênaltis da equipe gaúcha.