Jogadores De Futebol Com Mais De 35 Que Seguem Atuando Em Alto Nível

O tempo foi visto por muito tempo como o pior inimigo do jogador de futebol. Mas hoje, quando um jogador completa seus 35 anos, não significa mais que ele irá pendurar suas chuteiras em breve. A idade vem se tornando cada vez mais “apenas um número” no mundo do futebol.

A medicina moderna e os novos regimes de treinamento tornaram mais fácil para os jogadores estenderem suas carreiras. E, atualmente, há muitos atletas que já passaram dos 35 e que seguem jogando em alto nível nos principais clubes do mundo. Confira a seguir os velhinhos bons de bola.

Fred

Fred, Fluminense
Buda Mendes/Getty Images
Matthew Stockman/Getty Images

O centroavante Fred completará 38 anos em outubro de 2021, mas ainda é um dos principais nomes do futebol brasileiro. Atualmente no Fluminense, o atleta conseguiu até mesmo igualar recentemente Romário como o segundo maior artilheiro da história do Campeonato Brasileiro, com 154 gols, atrás apenas de Roberto Dinamite (190). Como ainda está em atividade, tem tudo para passar o Baixinho ainda nesta temporada.

Embora siga atuando em alto nível, Fred já admite que está próximo de pendurar as chuteiras. O camisa 9 pretende se aposentar até o fim de 2022.

Daniel Alves

Jogadores veteranos: Daniel Alves
Abbie Parr/Getty Images
Alex Livesey – FIFA/FIFA via Getty Images

Nascido em 6 de maio de 1983, o lateral-direito Daniel Alves está bem próximo dos 40, mas segue jogando em alto nível. Aliás, sua experiência e talento ajudaram a Seleção Brasileira a conquistar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Mas, mesmo aos 38 anos e já sendo o maior campeão da história do futebol, ele ainda traça objetivos ousados para a sua reta final de carreira.

Daniel Alves sonha em ser convocado pelo técnico Tite para a próxima Copa do Mundo, que irá acontecer no Catar em 2022, e quem sabe ajudar a Seleção a trazer o hexa. Vale lembrar que o atleta esteve presente nas edições de 2010 e 2014, mas acabou ficando fora em 2018 em função de uma lesão no joelho.

Miranda

Miranda, do São Paulo
Nelson Almeida – Pool/Getty Images
Nelson Almeida – Pool/Getty Images

Miranda também tem mostrado que ainda tem muita lenha para queimar desde que foi apresentado pelo São Paulo no início de 2021. Aos 37 anos, o zagueiro não é apenas titular absoluto, mas também o capitão do time. Além disso, tem uma das maiores sequências de jogos entre os atletas do Tricolor nesta temporada. A idade realmente não parece pesar para o defensor.

E Miranda já começa a colher os frutos da decisão de ter retornado ao Brasil. Nos últimos meses, o zagueiro voltou a ser convocado por Tite e esteve com a Seleção Brasileira nos últimos compromissos das Eliminatórias. Na próxima Copa do Mundo, ele já terá completado 38 anos, mas quem duvida que ele tem chances de disputar seu segundo Mundial?

Rafinha

Rafinha é um dos veteranos do futebol brasileiro
Silvio Avila/Getty Images
Silvio Avila/Getty Images

Aos 36 anos, Rafinha é mais um veterano do futebol brasileiro. Multicampeão pelo Bayern de Munique e com uma passagem vitoriosa pelo Flamengo, o lateral-direito foi uma das principais contratações do Grêmio na temporada e chegou ao clube como uma solução imediata para a posição.

Ainda com Renato Gaúcho no comando da equipe, Rafinha conquistou a titularidade, mas aos poucos foi perdendo espaço, especialmente a partir da chegada de Felipão. Por conta da sua experiência, currículo e liderança, o torcedor do Grêmio ainda espera que Rafinha volte a se destacar e que ajude o time a permanecer na elite do futebol nacional.

Filipe Luís

Filipe Luís, do Flamengo
Marcelo Endelli/Getty Images
Marcelo Endelli/Getty Images

O lateral-esquerdo Filipe Luís não retornou ao Brasil, após anos na Europa, com o objetivo de diminuir o ritmo, muito pelo contrário. Desde que chegou ao Flamengo em 2019, ele se tornou um dos líderes do time e um dos grandes destaques do futebol brasileiro, já tendo conquistado nesse período Copa Libertadores, dois Brasileiros, Recopa Sul-Americana, entre outros títulos. E, aos 36 anos, ele já revelou que pretende jogar até os 40.

Diego Ribas

Flamengo - Diego Ribas
Wagner Meier/Getty Images
Wagner Meier/Getty Images

O meia Diego Ribas também vem atuando no mais alto nível no futebol brasileiro. Há cinco anos no Flamengo, ele é peça fundamental no grupo que enumera títulos desde 2019. Até o momento, o camisa 10 conquistou com o clube quatro Cariocas, dois Brasileiros, duas Supercopas do Brasil, uma Recopa Sul-Americana e uma Libertadores.

Aos 36 anos, embora contestado por parte da torcida, ele segue sendo uma das lideranças do Flamengo e tem a confiança do técnico Renato Gaúcho. Por isso, ele deve ter seu contrato renovado por pelo menos mais uma temporada.

Diego Souza

Veteranos do futebol: Diego Souza, do Gremio
Diego Vara – Pool/Getty Images
Diego Vara – Pool/Getty Images

O centroavante de 36 anos chegou ao Grêmio no início de 2020 com uma certa desconfiança por parte do torcedor, que já não acreditava que o jogador poderia render como no passado. Mas, depois de algumas temporadas apagadas no São Paulo e no Botafogo, Diego Souza voltou a se destacar no cenário nacional.

Inclusive, o veterano foi o artilheiro do futebol brasileiro na temporada 2020 com 28 gols marcados. Nesta temporada, no entanto, o centroavante perdeu espaço após a chegada de Miguel Borja ao time de Felipão. Mesmo assim, ainda é um dos líderes da equipe e um dos atletas mais queridos da torcida gremista.

Pedro Geromel

Pedro Geromel, do Grêmio
Lucas Uebel/Getty Images
Lucas Uebel/Getty Images

Outro veterano do elenco do Grêmio é Pedro Geromel. O zagueiro está no clube gaúcho dede 2014, somando mais de 300 jogos na equipe, e já é um dos grandes ídolos do torcedor gremista.

Desde que foi apresentado com a camisa tricolor, o camisa 3 venceu diversos torneios importantes, como Campeonato Gaúcho (2018, 2019 e 2020), Copa do Brasil (2016) e Libertadores (2017). Atualmente, aos 36 anos, o zagueiro tem tido uma temporada prejudicada pelas lesões, mas segue sendo uma das lideranças do elenco e capitão do time.

Fábio Santos

Fábio Santos, do Corinthians
Silvio Avila/Getty Images
Silvio Avila/Getty Images

Fábio Santos também tem 36 anos. E da mesma forma que outros veteranos do futebol, ele é visto como figura importante no vestiário de seu time, no seu caso o Corinthians. Dentro de campo, ele também tem seu espaço garantido. O jogador é um dos homens de confiança do técnico Sylvinho, que o considera titular absoluto na lateral-esquerda.

Seu desempenho é tão satisfatório que, mesmo aos 36 anos, ele já tem uma renovação de contrato encaminhada para permanecer no Corinthians até o fim de 2022. O vínculo atual do lateral tem duração apenas até dezembro deste ano.

Carlos Sanchez

Uruguaio Carlos Sanchez, do Santos
CARLA CARNIEL/POOL/AFP via Getty Images
CARLA CARNIEL/POOL/AFP via Getty Images

Nascido em 2 de dezembro de 1984, o jogador uruguaio Carlos Sanchez é um dos jogadores veteranos que atuam em clubes brasileiros. Atualmente ele está com 36 anos, Mesmo que ainda não exista uma previsão, o estrangeiro espera se aposentar no Santos.

O novo vínculo do jogador com o Peixe vai até 22 de julho de 2023. O uruguaio é o segundo maior artilheiro estrangeiro da história do clube santista e um dos líderes do elenco em campo.

Jailson

Veterano: Jailson - Palmeiras
Alexandre Schneider/Getty Images
Alexandre Schneider/Getty Images

Jailson chegou ao Palmeiras em 2014, mas por dois anos foi apenas o terceiro goleiro do time. A condição mudou após a lesão de Fernando Prass e as atuações inseguras de Vágner, o reserva imediato. Foi então que ele começou a ganhar mais espaço e conseguiu mostrar seu bom futebol.

Apesar de viver um bom momento com a camisa do Palmeiras, sendo a primeira opção na ausência do Weverton, o goleiro de 40 anos não deve permanecer no clube. Com contrato até o fim de 2021, o atleta já foi avisado pela direção que, pelo menos por enquanto, o vínculo não será estendido. No Verdão, Jailson conquistou títulos como Copa do Brasil (2015 e 2020), Campeonato Brasileiro (2016 e 2018), Campeonato Paulista (2020) e Copa Libertadores (2020).

Zlatan Ibrahimovic

Zlatan Ibrahimovic é um dos jogadores veteranos que atuam em alto nível
Sportinfoto/DeFodi Images via Getty Images
Sportinfoto/DeFodi Images via Getty Images

Você pode não acreditar, mas Zlatan Ibrahimovic já tem 39 anos. O atleta sueco parecia estar se encaminhando para uma aposentadoria quando deixou o Manchester United em março de 2018. No entanto, ele se juntou ao LA Galaxy e mostrou a todos que ainda era capaz de intimidar os zagueiros e marcar gols com uma regularidade. Foram 53 gols em 58 partidas pelo clube americano.

Em dezembro de 2019, Ibrahimovic voltou para a Europa para atuar no Milan. E ele não decepcionou! O centroavante marcou 11 vezes em 20 aparições em todas as competições em 2019/20 e continuou com um bom aproveitamento em 2020/21, mostrando que a idade não foi capaz de tirar seu talento.

Luka Modric

Veteranos: Luka Modric
Diego Souto/Quality Sport Images/Getty Images
Diego Souto/Quality Sport Images/Getty Images

Não há muito que Luka Modric não tenha feito durante a sua carreira de atleta profissional. A sua trajetória nos gramados conta com quatro títulos da Champions League pelo Real Madrid, uma disputa de final de Copa do Mundo com a Croácia em 2018, sem mencionar a conquista do cobiçado prêmio Bola de Ouro no mesmo ano. Mas ele não parece ter planos de parar!

Aos 36 anos, ele segue sendo um dos principais nomes dos merengues e teve seu vínculo renovado até 30 de junho de 2022.

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo é um dos veteranos do futebol mundial
Jonathan Moscrop/Getty Images
Jonathan Moscrop/Getty Images

Cristiano Ronaldo dispensa apresentações. O português é um dos melhores jogadores de todos os tempos e segue mostrando um desempenho extraordinário todas as semanas, agora novamente com a camisa do Manchester United.

Nascido em 5 de fevereiro de 1985, a lenda portuguesa nem pensa em se aposentar e prova a cada jogo que a idade é apenas um número. Por mais incrível que pareça, o cinco vezes vencedor do prêmio Bola de Ouro parece estar sempre no auge.

Thiago Silva

Zagueiro Thiago Silva
Michael Regan/Getty Images
Michael Regan/Getty Images

Prestes a completar 37 anos, o brasileiro Thiago Silva vem mostrando a todos por que ainda não pendurou as chuteiras.. Multicampeão no Paris Saint-Germain, o zagueiro foi contratado em agosto de 2020 pelo Chelsea depois de não ter seu contrato renovado pelo clube francês.

Thiago Silva era visto com desconfiança por parte da torcida e até mesmo por alguns dirigentes do Chelsea quando foi contratado, mas ele logo conseguiu mostrar seu valor. Em sua primeira temporada nos Blues, o zagueiro ajudou o clube a conquistar o título da Liga dos Campeões. Ele também é um nome forte quando se trata de Seleção Brasileira.

Fernandinho

Manchester City - Fernandinho
Victoria Haydn/Manchester City FC via Getty Images
Victoria Haydn/Manchester City FC via Getty Images

O técnico Pep Guardiola não estava desesperado para que Fernandinho estendesse seu contrato com o Manchester City à toa. Mesmo aos 36 anos, o brasileiro ainda exerce um papel fundamental no meio-campo do time inglês, além de ser um dos líderes do vestiário.

Com a renovação de seu contrato, Fernandinho vai para a nona temporada defendendo o City. Até o momento, ele conquistou quatro títulos da Premier League, uma Copa da Inglaterra, seis Copas da Liga Inglesa e uma Supercopa com o Citizens.

Giorgio Chiellini

Giorgio Chiellini - Juventus
MB Media/Getty Images
MB Media/Getty Images

Algumas lesões nos impossibilitaram de ver Giorgio Chiellini atuando regularmente com a camisa da Juventus nas últimas temporadas, mas o jogador de 37 anos mostrou na Euro 2020 todo seu potencial. O zagueiro foi titular e capitão da equipe na conquista do bicampeonato continental.

Embora não haja dúvidas de que o italiano não está mais no auge de sua carreira, ainda temos esperança que Chiellini siga aumentando seu número de conquistas nos próximos anos, já que o defensor teve seu contrato com a Juventus renovado até o fim da temporada de 2022/2023.

Dante

Dante, do Nice, já passou dos 35 anos
Paolo Manzo/NurPhoto via Getty Images
Paolo Manzo/NurPhoto via Getty Images

Prestes a completar 38 anos, o brasileiro Dante defende atualmente o Nice, da França. O “CommanDante”, como é chamado pelos torcedores, chegou ao clube francês em agosto de 2016 e se tornou peça importante e capitão do elenco.

Antes, o zagueiro baiano teve seus dias de glória com camisa do Bayern de Munique, sendo um dos pilares da equipe nas conquistas da Champions League, Mundial de Clubes e Bundesliga. Seu desempenho no clube alemão resultou na convocação para a Copa do Mundo de 2014. Agora, com toda a sua experiência, o zagueiro voltou a ganhar destaque no cenário internacional.

Pepe

Kepler Lima 'Pepe' of FC Porto looks on during the Liga Portugal Bwin match between FC Porto and Belenenses SAD at Estadio do Dragao on August 08, 2021 in Porto, Portugal
Foto de Jose Manuel Alvarez/Quality Sport Images/Getty Images
Foto de Jose Manuel Alvarez/Quality Sport Images/Getty Images

O zagueiro brasileiro naturalizado português Pepe tem 38 anos e em agosto de 2021 se tornou o jogador mais velho a atuar pelo Porto, de Portugal. Capitão e titular absoluto da defesa portista, o veterano tem contrato válido até junho de 2023, mas nem sequer cogita a aposentadoria.

Mas não é só com a camisa de seu clube que ele segue se destacando. Pepe também é constantemente chamado para a seleção de Portugal e pode ter a chance de atuar na Copa do Mundo de 2022 no Catar.

Gianluigi Buffon

Gianluigi Buffon é um dos jogadores mais velhos em atividade
Nicolò Campo/LightRocket via Getty Images
Pier Marco Tacca/Getty Images

O goleiro Gianluigi Buffon é um caso impressionante no mundo do futebol. Aos 43 anos, o italiano segue defendendo clubes grandes da Europa. Sua equipe atual é o Parma, mas até pouco tempo ele estava na poderosa Juventus.

Antes de fechar com seu atual clube, Buffon chegou a receber uma proposta do Barcelona. No entanto, ele preferiu fechar com o Parma, time da segunda divisão do Campeonato Italiano e onde ele iniciou sua carreira principal. O motivo? O experiente goleiro não queria ficar na reserva nos seus últimos anos como jogador.