Os Segredos Das Marcas Mais Famosas Do Esporte

Muitas marcas patrocinam o mundo dos esportes, algumas até bem opostas àquilo que o esporte representa, como cigarros, cervejas, refrigerantes e fast food. No entanto, algumas marcas não só patrocinam como também produzem todo tipo de artigos desportivos, desde bolas até equipamentos de precisão, opassando por vestuário.

Algumas marcas até possuem centros de desenvolvimento, tendo até conquistado algumas patentes. Então, se você é louco por esportes, não deixe de ler essa sequência com algumas curiosidades bem legais sobre as maiores marcas do esporte. Confira!

Under Armour

Under_armour_logo.svg
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

No Brasil não é muito popular, mas é bom ficar por dentro! Under Armour, Inc. é uma empresa de roupas e equipamentos esportivos dos Estados Unidos, com sede localizada em Baltimore, Maryland, começou a operar em 1996 e possui atualmente mais de quinze mil pontos de venda no mundo. Sua sede na Europa se encontra no Estádio Olímpico de Amsterdã.

O que muita gente não sabe é que atualmente é fornecedora de material esportivo do clube Fluminense,

Topper

Topper_Logo.svg
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Com 42 anos de tradição no mercado esportivo da América do Sul, a Topper protagonizou momentos importantes do futebol no mundo e é uma empresa de produtos esportivos especialista no futebol brasileiro.

A marca foi criada em 1975 e tem sede em São Paulo. Pertence a holding BR Sports, que integra o Grupo Sforza. A empresa é fornecedora de materiais esportivos para 7 clubes no futebol brasileiro e também fornece a bola oficial e o uniforme dos árbitros das séries B, C e D do Campeonato Brasileiro de Futebol, da Copa do Nordeste, da Primeira Liga do Brasil, da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu).

Speedo

speedo-logo
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

A Speedo já foi muito popular no Brasil, mas andou um pouco fora dos holofotes nos últimos tempos. É uma empresa produtora de acessórios para a prática de natação fundada em 1914 por Alexander MacRae em Sydney na Austrália.

Produziu material utilizado por medalhistas em várias Olimpíadas e também atua como patrocinadora de atletas. Em 1929, a marca ficou famosa quando o nadador Arne Borg estabeleceu uma marca mundial usando trajes Speedo. Michael Phelps é o atleta mais reconhecido que a Speedo já patrocinou.

Louisville Slugger

slugger
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Desde 1884, a marca se tornou líder fornecendo tacos de baseball aos melhores jogadores da MLB, que vem a ser Major League Baseball o nível mais alto do baseball profissional nos Estados Unidos.

E o mais interessante: Engana-se aquele que pensar que se trata de mais uma simples loja de materiais esportivos! A LS já desenvolveu diversos produtos para o esporte, conquistando várias patentes, inclusive, você pode conferir todas elas em uma planilha disponibilizada no site da empresa.

Rawlings

rawlings
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Não está na boca do povo no Brasil, afinal, o baseball não é muito popular por aqui, mas desde 1887, a Rawlings é sinônimo de baseball, fornecendo para as principais ligas e seus jogadores luvas, bolas e capacetes; Em 2018, a MLB comprou a empresa por 400 milhões de dólares. As bolas usadas na liga são feitas principalmente à mão e com produtos naturais, para que o desempenho da bola mude ano a ano; cerca de 80 mil bolas são produzidas anualmente apenas para uso na MLB.

Riddell

Ridell
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Foi fundada em 1922 por John T. Riddell como uma empresa de sapatos, mas em 1939, Riddell projetou seu primeiro capacete de futebol americano e daí pra frente se tornou o fornecedor oficial para todos os níveis desse esporte. Entre 1961 e 2014, foi um dos patrocinadores oficiais da NFL, e seu modelo VSR4 se tornou um ícone. Embora esse modelo não tenha mais sido usado por motivos de segurança, os modelos Revolution, Revolution Speed e Revolution SpeedFlex ainda estão em uso; Estrelas como Tom Brady, Peyton Manning, Larry Fitzgerald e Drew Brees já usaram os capacetes da Riddell.

New Era

NewEra
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

A New Era, localizada na cidade de Buffalo (Nova Iorque), é uma empresa americana de bonés fundada em 1920 pelo imigrante alemão Ehrhardt Koch. É a fabricante oficial de bonés de todos os times da MLB, bem como diversas equipes da KBO, NPB, e da ABL; e mantém acordos com outras entidades licenciadas como a NBA, NHL e mais de 200 universidades dos Estados Unidos. Em abril de 2012, a New Era se tornou a fornecedora oficial de bonés da NFL.

No Brasil, a New Era se uniu a grandes times de futebol. A sua linha de bonés de clubes de futebol tem modelos aba curva e aba reta com 19 times brasileiros.

Puma

Puma
Reprpodução/Wikipedia
Reprpodução/Wikipedia

A Puma SE é uma empresa alemã de equipamentos desportivos, fundada em 1948 pelo empresário alemão Rudolf Dassler, com sede em Herzogenaurach, Alemanha. Muita gente já sabe que a empresa surgiu quando houve a separação dos sócios da empresa Gebrüder Dassler Schuhfabrik, uma antiga fábrica de calçados de pano criada por Rudolf e seu irmão Adolf Dassler (que muita gente também sabe, foi o fundador de outra marca conhecidíssima e também alemã: a Adidas) em 1924.

Nascida de uma separação

Adolf and Rudolf
Reprodução/Web
Reprodução/Web

Uma coisa que você talvez não saiba é que a Gebrüder Dassler Schuhfabrik começou a crescer e fornecer sapatos para atletas olímpicos, como por exemplo, Jesse Owens, que nas Olimpíadas de Berlim, 1936, quem diria, começou a mostrar o trabalho dos irmãos alemães ao mundo.

Outra coisa que vcê talvez não saiba é que um ano depois da divisão da empresa, Rudolf mudou a sede da empresa para Herzogenaurach, cidade próxima do grande centro Nuremberg.

O Rei do marketing

Pelé
Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

O primeiro jogador a ser patrocinado pela Puma foi Pelé, considerado pela FIFA e por todo o mundo – com exceção da Argentina – o melhor jogador de todos os tempos. Em uma partida da copa do mundo de 1970, o gênio brasileiro pediu para que o árbitro paralisasse o jogo antes do início da partida, para que pudesse amarrar suas chuteiras. Com o pedido realizado Pelé amarrou suas chuteiras da Puma, e a televisão focou por trinta segundos esse ato que foi assistido por cerca de 200 milhões de pessoas em todo o mundo pela televisão.

E depois de Pelé

usain-bolt-puma
Reprodução/Instagram/@usainbolt
Reprodução/Instagram/@usainbolt

Depois de Pelé, outros jogadores foram patrocinados pela Puma, Sergio Agüero, Luis Suárez, Antoine Griezmann, Samuel Eto’o, Gianluigi Buffon e mesmo um tal Diego Armando Maradona que se diz muito bom de bola, mas não marcou nem 400 gols. (365 apenas)

E também é legal saber que a Puma patrocina outros esportes e mesmo outros gênios. Usain Bolt é um deles, mas a Puma também fornece os uniformes de Ferrari, Mercedes e Red Bull, na Fórmula 1.

Adidas

Gebrüder Dassler Schuhfabrik
Adidassler.org
Adidassler.org

Que Adolf Dassler (conhecido como “Adi”) foi o fundador da Adidas, achamos que você já sabe, mas que ele começou a produzir seus próprios sapatos esportivos na cozinha da casa de sua mãe, em Herzogenaurach, Baviera, após seu regresso da Primeira Guerra Mundial, talvez seja uma novidade. Em 1927, seu irmão, Rudolf Dassler (conhecido como “Rudi”), se juntou ao negócio, que se tornou a Gebrüder Dassler Schuhfabrik (em portuguêsseria algo como Fábrica de Sapatos dos Irmãos Dassler) e prosperou.

Ruda

adidas
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

O nome “adidas” é uma união entre o apelido, Adi, e o sobrenome, Dassler, do fundador da empresa, “Adi” “Das”sler. Rudolf criou uma nova empresa, intitulada originalmente Ruda (iniciais de Rudolf Dassler), que mais tarde é rebatizada Puma, da qual já falamos.

A empresa cresceu e foi muito bem, como já sabemos, mas após um período difícil com a morte de Horst Dassler, filho de Adolf, em 1987, a empresa foi comprada em 1989 por Bernard Tapie, um empresário francês considerado especialista em resgatar empresas da falência, que decidiu mudar a produção para a Ásia e contratou Madonna para a promoção das linhas de produtos da empresa.

Alguém já viu algo parecido?

tapie
Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Em 1992, Tapie não pôde pagar os juros de seu empréstimo e como era ministro de Assuntos Urbanos (Ministre de la Ville) no governo francês na época, conseguiu que o banco Crédit Lyonnais a comprasse, o que é normalmente proibido pelas leis francesas.

Por essa e outras falcatruas, Bernard Tapie acabou passando seis meses na prisão de La Santé em Paris em 1997 depois de ter sido condenado a 18 anos. Em Fevereiro de 1993, o Crédit Lyonnais comercializou a Adidas para Robert Louis-Dreyfus.

Boas compras

reebok
Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Em agosto de 2005, a Adidas anunciou a compra da empresa Reebok por 3,8 bilhões de dólares e com a aquisição, a Adidas passou a disputar mercados em condições iguais com a Nike. Em 11 de abril de 2006, a empresa anunciou um contrato de 11 anos para se tornar o fornecedor de vestuário oficial da NBA. O acordo, cujo valor foi estimado em mais de 400 milhões de dólares, substituiu o contrato anterior de 10 anos com a Reebok, anunciado em 2001.

Quase no topo

oldadidas
Reprodução/`Pinterest
Reprodução/`Pinterest

Atualmente, a Adidas é a segunda maior empresa de equipamentos desportivos do mundo. Na Europa, a Adidas é a primeira colocada, no entanto, é a maior distribuidora de equipamentos desportivos para o futebol. A empresa distribui os uniformes de algumas das principais seleções do mundo, como a Argentina, a Espanha e a Alemanha, além de distribuir boa parte dos vestuários dos árbitros, chuteiras e bolas.Ainda no futebol, a empresa patrocina a FIFA e a UEFA.

Nike

nike
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

A Nike é americana e, ao contrário do que muitos dizem, não é uma empresa tão nova assim. Ela foi fundada em 1964 por Bill Bowerman e Phillip Knight, que é o atual presidente da empresa.

É a marca de roupas mais valiosa do mundo, segundo o ranking BrandZ da consultoria Millward Brown, avaliada em 37.472 bilhões de dólares e patrocina grandes nomes como Neymar, Cristiano Ronaldo, Kylian Mbappé, Eden Hazard, Kevin De Bruyne, Virgil van Dijk, Alisson Becker , Andrés Iniesta, Rafael Nadal, LeBron James,Mo Farah entre outros.

Mas essa marca não era grega?

Goddess_Nike_at_Ephesus,_Turkey
Reprodução/Wikipedia
Reprodução/Wikipedia

Esse hoax circulou durante um bom tempo por aqui, provavelmente porque a empresa tirou o seu nome da deusa grega da vitória, Nice. Bem dentro da proposta, não é mesmo?

O famoso logotipo da empresa, é um desenho gráfico criado por Carolyn Davidson em 1971 e vendido por apenas US$ 35.00. Philip Knigth queria um logo que representasse aspecto de velocidade, a asa da deusa grega da vitória e que mostrasse uma empresa que queria chegar ao topo.

Primeira ou segunda

bola
Reprodução/MercadoLivre
Reprodução/MercadoLivre

A Nike hoje é a maior empresa em vendas de material esportivo do mundo, porém, fica em segundo lugar, atrás da sua rival alemã Adidas, na distribuição de produtos destinados ao futebol, mesmo patrocinando várias equipes europeias, tais como: Barcelona, Chelsea, Internazionale, Paris Saint-Germain, Atlético de Madrid, Roma e a Seleção Portuguesa de Futebol. Também patrocina os clubes brasileiros: Corinthians, Internacional, Red Bull Brasil, além da Seleção Brasileira de Futebol, mas quem tem Rafael Nadal, Serena Williams e Tiger Woods vestindo seu logo, não fica tão triste assim.